30.10.14

Tapete de silicone

   Adoraria começar esse post com uma frase super inteligente ou contando a história por trás do tapete  de silicone, ao invés disso vou começar dizendo:

  TAPETE DE SILICONE É VIDA!! É AMOR!! TAPETE DE SILICONE É TUDO!!

   
    Deu pra perceber que eu sou uma entusiasta, né?!

   Os tapetes de silicone são muito versáteis, são antiaderentes e podem ir do freezer ao  forno (passando pela máquina de lavar louça). Eles substituem o papel manteiga e podem ser reutilizados milhares de vezes. 
 

     Eu  tenho 2 tapetes, um Silpat® e um de uma marca chamada Lifedesign.

Os 2 são ótimos!  


    O  Silpat® é famoso, se você assiste vídeos gringos no YouTube você com certeza já viu alguém usando. Existem vários modelos pra diferentes usos, o que eu tenho  é o tradicional. Acho uma maravilha! Uso para assar bolachas e docinhos.  Os doces não grudam de jeito nenhum, e a base fica lisinha e com a cor uniforme! A desvantagem é que não dá para usá-lo como uma base antiaderente para abrir a massa ou pasta americana, isso porque ele  tem uma textura, que serve para dissipar  o calor uniformemente pela  assadeira. Existe um modelo próprio para abrir massas, mas eu nunca experimentei. Outra desvantagem é o preço, no Amazon custa a partir de USD15. 
 
Silpat® em ação


    Já o meu outro tapete de silicone eu comprei na banca de jornal numa coleção chamada "cozinha prática com fôrmas de silicone" da Editora Gold. Ele tem uma régua em alto  relevo na base, mas tirando isso ele é lisinho, é uma ótima superfície para trabalhar com pasta  americana.  Eu não uso para assar bolachas porque ele é maior do que  minhas assadeiras, mas eu já testei e ele foi tão eficiente quanto o Silpat®. Eu não lembro qual foi o valor exato, mas acho que foi mais ou menos R$15.


     Nas lojas especializadas existem várias marcas, pela minha experiência não é essencial pagar mais numa marca importada famosa. Só garanta que o escolhido servirá para sua função (caberá na sua assadeira ou que seja lisinho).


0 comentários:

Postar um comentário